Mercado Hoteleiro, edição 03

A terceira edição do informativo hoteleiro da MSH Gestão Hoteleira, braço da M.Stortti especializado no mercado hoteleiro, que tem como objetivo informar o leitor sobre a conjuntura do mercado através do acompanhamento do setor traz as variações nos preços das diárias praticadas nas capitais da região sul.

Após um período de elevação das taxas de ocupação nas cidades-sede em função da realização da copa do mundo o mercado hoteleiro aponta uma tendência de acomodação nos preços das diárias médias. Contudo, ajustes são evidenciados pelas revisões de projeções do setor e, consequentemente, apontaram queda nas diárias
médias em muitas regiões do país.

Confira!

Mercado Hoteleiro, edição 03

Imóveis apresentam aumento real de preços neste ano

Desempenho do índice FipeZap é o pior desde a sua criação, mas ainda supera inflação

De acordo com as últimas avaliações da MS Properties, empresa do Grupo M.Stortti focada no mercado imobiliário, o Índice FipeZap Ampliado registrou aumento de 4,8% no preço do metro quadrado para vinte cidades acompanhadas em 2014. A variação percentual é de 0,8 acima da inflação medida pelo IPCA (Índice Nacional dePreços ao Consumidor Amplo), indicando que o preço dos imóveis apresentou pequeno aumento real durante este ano até o presente momento, mas ainda assim continua subindo com variação superior à inflação.

Continuar lendo

Hotéis de Curitiba têm a maior tarifa entre as três capitais da Região Sul

O mercado hoteleiro apresenta  tendência de acomodação dos preços.

A MSH Gestão Hoteleira, empresa do Grupo M.Stortti, avaliou as diárias médias dos preços praticados e suas variações nos principais hotéis da Região Sul referentes ao período de agosto a outubro de 2014. De acordo com a empresa, o mercado apresenta uma tendência de acomodação dos valores e ajustes evidenciados pelas revisões de projeções do setor. Continuar lendo

Condomínio com vinho

A Lex Empreendimentos Imobiliários e o grupo M.Stortti contrataram o escritório argentino de arquitetura Bórmida y Yanzón para projetar as dez casas no condomínio vitivinícola residencial de luxo Terroir Vinhedos Exclusivos, no Vale dos Vinhedos, em Garibaldi. As residências poderão ser hospedagem boutique e o condomínio terá um espumante marca própria.

A Coluna do Ucha – 14/10/2014

 

http://ucha.com.br/blog/coluna-do-dia/gauchos-tambem-contestam-reeleicao-de-katia-abreu/

Licenciamento ambiental será feito pela prefeitura, o que deve agilizar processo

Garibaldi: obra no Esqui pode começar em 60 dias

Fotos: Divulgação/M.Stortti

10/10/2014

Mais de 13 anos depois da desativação, o Parque Esqui Presidente Médici, em Garibaldi, finalmente está prestes a passar por uma remodelação completa. As obras devem começar em um prazo estimado de dois meses, segundo o prefeito Antônio Cettolin. Para o início efetivo do trabalho, falta apenas o licenciamento ambiental, que será feito pela própria prefeitura. A possibilidade de agilização do processo se deve a uma mudança nas competências municipais para emissão de licenças, anunciada pela Famurs na última semana. O novo texto da Resolução 102 redefiniu a lista de atividades de impacto local, permitindo que as prefeituras façam intervenções em áreas maiores. “O trâmite de um processo de licenciamento na Fepam pode levar três anos. Com a prefeitura tendo autonomia, acredito que possamos concluir em cerca de dois meses”, comemora o prefeito. Continuar lendo

Terroir Vinhedos Exclusivos terá projetos de casas de confraria assinados pelo escritório de arquitetura Bórmida y Yanzón

Modelo de associação é novo no Brasil, transforma residências em hospedagem boutique e tem marca própria na produção de espumantes

RELEASE

A Lex Empreendimentos Imobiliários e o grupo M.Stortti contrataram o escritório argentino de arquitetura Bórmida y Yanzón para projetar as dez casas de confraria que serão comercializadas no primeiro condomínio vitivinícola residencial de luxo do Brasil, o Terroir Vinhedos Exclusivos, localizado no Vale dos Vinhedos, em Garibaldi (RS). Os lotes serão adquiridos por grupos de apaixonados pela produção de uvas e espumantes com marca própria. Continuar lendo

Mercado Imobiliário, edição 11

Na última edição do ano, o informativo imobiliário MS. Properties ratifica a tendência de acomodação de preços e ajustes no mercado imobiliário. O ano de 2014 foi marcado pela retração no mercado imobiliário brasileiro em virtude da falta de confiança na conjuntura econômica do país. O aumento nos preços, elevação na taxa de juros e dúvidas em relação ao nível de emprego após a decisão presidencial, levaram o mercado a um status de retração que se consolidou no ano, levando os investidores a revisarem seus planos e as construtoras ao desafio de administrarem os estoques decorrentes do boom imobiliário do período de 2010 a 2013. Saiba mais!

Mercado Imobiliário, edição 11